A ENB no Projeto “Bombeiros do Século XXI”
2015-03-12 16:59:34

O projeto Bombeiros Séc. XXI chegou ao fim com “balanço muito positivo”. As palavras são do presidente do Conselho Executivo da Liga dos Bombeiros Portugueses, comandante Jaime Marta Soares, e foram proferidas na sessão de encerramento da região Centro que se realizou nos BV Batalha em 6 de dezembro de 2014 (as restantes vão decorrer nos BV Beja e nos BV Paredes, a 20 e 21 do presente mês, respetivamente). O presidente da LBP lembrou que "bombeiro que não sabe não salva e, no caso dos dirigentes, quem não está integrado na complexidade da gestão também não dispõe das melhores condições para a concretizar". "Gerir uma associação é um desafio cada vez mais complexo exigente que se apresenta aos bombeiros sem farda".

Este projeto promovido pela Liga dos Bombeiros Portugueses e desenvolvido em quatro regiões, teve como objetivo central a promoção de processos estruturados e consistentes de qualificação das Associações Humanitárias de Bombeiros, devidamente adaptados à cultura e às especificidades destas entidades, visando melhorar a capacidade de gestão, a eficácia e a sustentabilidade das suas intervenções.

Conforme indicam as elevadas taxas de execução, a ENB cumpriu os objetivos que lhe foram atribuídos enquanto entidade formadora do projeto. Ministrou as ações de formação que foram determinadas com base nos diagnósticos de necessidades de formação, realizados pela entidade Gestora do Projeto, a cada Associação. 

Pela primeira vez a ENB realizou formação para os dirigentes associativos das associações envolvidas no projeto, sob forma de 48 Workshops que versaram 8 temáticas atuais e pertinentes para a qualificação dos 841 dirigentes e colaboradores das associações presentes.

Realizou também formação individualizada a 3558 operacionais dos Corpos de Bombeiros, inaugurando duas grandes áreas de formação: “Condução Defensiva” e “Formação Comportamental”. A enorme solicitação destas formações e os bons resultados obtidos pelos formandos nas mesmas evidenciaram a sua adequação, tendo a ENB introduzido estas formações de aperfeiçoamento técnico no plano de formação para desenvolver a partir de 2015.  

Com apenas 25 novos formadores de “Condução Defensiva” a nível nacional, conseguimos, ainda que com um grande esforço e enorme dedicação da sua parte, responder a todas as necessidades e realizamos os 82 cursos solicitados através deste projeto.  

Como resultado das necessidades assinaladas, outros cinco novos cursos da área comportamental foram formatados à medida exclusivamente para o projeto: “Relações Interpessoais”, “Liderança”, “Trabalho de Equipa”, “Gestão de Conflitos” e “Gestão de Tempo e Organização Pessoal”. Ainda dentro desta área iniciamos a formação de “Primeiros Socorros Psicológicos”, formação de aperfeiçoamento técnico que terá continuidade após projeto. Mais uma vez foi com a elevada dedicação e organização dos 15 formadores desta área que conseguimos ministrar 131 cursos nas quatro regiões do projeto.

A par do caráter inovador que vincou a identidade deste projeto, a ENB não pode deixar de salientar a perspetiva integradora colocada na sua intervenção formativa ao comtemplar os dirigentes associativos e os operacionais dos corpos de bombeiros.
Concluído que está o projeto importa salientar a excelente colaboração entre todos os parceiros e entidades participantes, o que constituiu um fator decisivo para o êxito alcançado. 
 

A ENB no Projeto “Bombeiros do Século XXI”
partilha-facebook partilha-google+ partilha-twitter partilha-linkedIN partilha-pinterest
partilha-google+ TAGS
#LBP #parcerias