Programa de Desfibrilhação Automática Externa - Escola Nacional de Bombeiros
Programa de Desfibrilhação Automática Externa
2015-06-09 17:08:44

Um Programa de Desfibrilhação Automática Externa (PDAE) consiste na instalação de DAE em espaços acessíveis ao público e na formação em Suporte Básico de Vida com Desfibrilhação Automática Externa. 

De acordo com o Decreto-Lei nº184/2012 de 8 de agosto, a instalação de DAE é obrigatória nos seguintes locais:

  • Estabelecimentos de comércio a retalho, isoladamente considerados ou inseridos em conjuntos comerciais, que tenham uma área de venda igual ou superior a 2000 m2;
  • Conjuntos comerciais que tenham uma área bruta locável igual ou superior a 8000 m2;
  • Aeroportos e Portos Comerciais;
  • Estações ferroviárias, de metro e de camionagem, com fluxo médio diário superior a 10 000 passageiros;
  • Recintos desportivos, de lazer e de recreio, com lotação superior a 5000 pessoas.

Implementar um Programa de Desfibrilhação Automática Externa (PDAE) é assumir um compromisso para salvar vidas. Aumenta a probabilidade de sobrevivência e salvaguarda a qualidade de vida das pessoas que possam sofrer uma paragem cardiorrespiratória.

A ENB oferece um PDAE completo. Abrange os processos de implementação e licenciamento, a formação, o acompanhamento, bem como a auditoria e o controlo da qualidade.

Programa de Desfibrilhação Automática Externa
partilha-facebook partilha-google+ partilha-twitter partilha-linkedIN partilha-pinterest
partilha-google+ TAGS
#formacaoempresas #PDAE #primeirossocorros #servicos #SHT #SST